Carta Aberta: Grada Kilomba e a Bienal de Veneza 2022

Carta Aberta: Grada Kilomba e a Bienal de Veneza 2022 A 7 de dezembro, o curador Bruno Leitão partilhou uma carta aberta revelando que o processo de decisão da DGArtes (Direção Geral das Artes), que atua como Júri de Seleção Portuguesa da Bienal de Veneza, foi marcado por incoerências e irregularidades graves nos critérios de avaliação, bem como violações explícitas dos “Deveres do Júri”, que são definidos por lei. Esta notícia, no entanto, tornou-se pública, através da imprensa internacional, que revelou o facto de o projeto A Ferida / The Wound da artista Grada Kilomba ter sido afastado da representação de Portugal na Bienal de Veneza 2022, com argumentos deveras problemáticos por parte de um dos membros do júri, Nuno Crespo, crítico de arte no jornal Público, Director da Escola das Artes e Reitor da Universidade Católica Portuguesa - Porto.

A ler

20.12.2021 | por vários

Passaporte universal e representação nacional: participação da Tunísia na 57ª Bienal de Veneza

Passaporte universal e representação nacional: participação da Tunísia na 57ª Bienal de Veneza Tudo dentro da problemática lógica da representação nacional deve ser pensado nos termos de estratégias e táticas. The Absence of Paths assinala o problema do nacionalismo, estruturante da própria Bienal de Veneza. Ao mesmo tempo, parece abrir mão de um espaço que poderia despertar uma curiosidade internacional pela efervescente cena artística tunisina, culminando numa efetiva melhoria das condições de trabalho dos artistas do país.

Jogos Sem Fronteiras

16.07.2017 | por Icaro Ferraz Vidal Junior

O Leão de Ouro de El Anatsui

O Leão de Ouro de El Anatsui A riqueza desta, agora premiada, trajetória de vida ganha forma em uma produção extremamente original e plasticamente epifânica, mas também em um método de ensino elaborado ao longo dos anos de docência, e cujas orientações podem ser resumidas como segue: busque inspiração na sua história pessoal; olhe o ambiente ao seu entorno em busca de materiais; viaje e traga todas essas experiências para seu trabalho...

Cara a cara

27.04.2015 | por Icaro Ferraz Vidal Junior