Kiluanji Kia Henda

Luanda (1979). 

O interesse de Kia Henda pelas artes visuais surge por ter crescido num meio de entusiastas da fotografia. A ligação com a música e o teatro de vanguarda, fizeram parte da sua formação conceptual, tal como a colaboração com colectivos de artistas em Luanda. 

Participou em vários programas de residências em cidades como Veneza, Cidade do Cabo, Paris, Amman e Sharjah, Nova Iorque, entre outras.

Kia Henda participou também nas seguintes exposições selecionadas: 1ª Trienal de Luanda, 2007; Check List Luanda Pop, Pavilhão Africano, Bienal de Veneza, 2007; Farewell to Post-Colonialism, Trienal de Guangzhou, 2008; There is always a cup of sea to sail in, 29ª Bienal de São Paulo, 2010; Tomorrow Was Already Here, Museu Tamayo, Cidade do México, 2012; Les Prairies - Les Ateliers de Rennes, 2012; Mondays Begins On Saturday, 1ª Trienal de Bergen, 2013; The Shadows Took Form, The Studio Museum of Harlem, Nova Iorque, 2013; Producing the Common, Dakar Biennale, Dakar, 2014; The Divine Comedy, Museum für Moderne Kunst, Frankfurt e Smithsonian Institute, Washington, 2014; Surround the Audience, New Museum Triennial, New York, 2015; Museum (Science) Fictions - MUSEUM ON/OFF, Centre George Pompidou, Paris, 2016; Constellations, Tate Gallery, 2017. 

Em 2012, Kia Henda ganhou o Prémio Nacional da Cultura e Artes, outorgado pelo Ministério da Cultura de Angola, e em 2014 foi selecionado entre 100 Leading Global Thinkers pela prestigiada revista norte-americana Foreign Politics. Em 2017, venceu o frieze Artist Award.

O seu trabalho encontra-se presente em diversas colecções públicas e privadas, tais como: Museum of Modern Art, Warwaw, Poland; Tate Modern, Collection of Contemporary Art, London, England; Fondazione di Venezia, Public Collection, Venice, Italy; Sindika Dokolo, African Collection of Contemporary Art, Luanda, Angola; Queensland Art Gallery, Gallery of Modern Art, Brisbane, Australia; Collezione Sciarretta (Nomas Foundation), Private Collection, Rome, Italy; Rui Costa Reis, Private Collection of Contemporary Art, Luanda, Angola; Metropolitana di Napoli, Public collection, Napoli, Italy; Fundação PLMJ, Public Collection, Lisbon, Portugal; Emile Stipp, Video Art Collection, Johannesburg, South Africa.

Email:

Artigos do autor