Zanele Muholi

Activista visual, nasceu em Umlazi, Durban (África do Sul), em 1972 e vive actualmente na Cidade do Cabo.
 Antes de iniciar o seu trabalho fotográfico sobre a sexualidade das mulheres negras e sobre as questões de género no continente africano, trabalhou como activista dos direitos humanos e das lésbicas, com membros da sua comunidade, alertando sobre os diferentes problemas que enfrentam actualmente as lésbicas negras que vivem na África do Sul. Desde 2009 tem recebido diversas distinções e prémios (Jean-Paul Blachère, na Bienal Africana de Fotografia, Bamako (Rencontres de Bamako), Premio Casa África como melhor fotógrafa residente em África, entre outros), e a sua obra tem sido incluída num grande número de exposições, das quais se destaca a Bienal de São Paulo, Brasil (2010); Figures and Fictions: Contemporary South African Photography, Museu Victoria and Albert de Londres (2011); Face of Our Time II, no Museu de Arte Moderno de São Francisco; Appropriated Landscapes, na Colecção Walther; Neu Ulm/Burlafingen, Alemanha (2011), e na Dokumenta13 de Kassel, Alemanha (2012).

Web: www.zanelemuholi.com