Projeto Silvestre - Bruno Caracol

Silvestre é um projeto de Bruno Caracol, que iniciou há poucos dias o seu périplo pelas redes sociais.Atualmente em residência de criação nas Oficinas do Covento, em Montemor-o-Novo, Silvestre será uma instalação multimédia no Atelier Concorde sobre os silvados e os animais que neles se abrigam. Estão-se ainda a preparar para o Um Coletivo, em Portalegre, uma oficina com crianças dirigida ao público infantil escolar e uma mostra de processo aberta ao público, já em dezembro.Convidamos todos a partilhar os links para o projeto e a visitar a pagina onde iremos publicar todas as informações importantes para a adesão do público.

Facebook https://www.facebook.com/silvestre.projeto

Instagram https://www.instagram.com/projeto.silvestre/

Criação: Bruno Caracol
Apoio técnico: Maurício Martins, Tiago Fróis
Comunicação: Marta Rema
Parcerias: Oficinas do Convento, MILL, Artéria Lab, Atelier Concorde, Um Coletivo
Parceiros media: Antena 2, Buala, Coffeepaste
Apoio: Direção-Geral das Artes / República Portuguesa

Imagem do livro 'Minas de Ferro de Montemor-o-Novo'.Imagem do livro 'Minas de Ferro de Montemor-o-Novo'.

07.11.2022 | by catarinasanto | bruno caracol, oficinas do convento, projeto, Silvestre

FICCIONANDO A TERRAFORMAÇÃO DE MARTE, ESPECULAMOS SOBRE A ÁGUA NO ALENTEJO

SPHERE4

Instalação de Artes Visuais no Paiol de Elvas

Festival A Salto

27-28-29 Agosto 2021

Conversa com o público no dia 28 às 18h, no Paiol de Elvas.


SPHERE4 é um universo ficcionado, inspirado numa pesquisa histórica acerca da paisagem do Alentejo e dos seus dispositivos de recolha e distribuição de água.

Partindo da história aquífera de Elvas como inspiração para uma arqueologia ficcional sobre civilizações passadas ou futuras, terrenas ou espaciais, explora-se a presença da água, da abundância à desertificação, e diferentes dispositivos de recolha ou distribuição, atravessando diferentes escalas ‘sitespecific’ e ‘timespecific’. Esbatendo a fronteira entre a criação audiovisual, a investigação e a ficção científica, esta instalação evidencia a relação de uma qualquer civilização com a água, esbatendo a fronteira entre a colonização espacial e a transformação climática do sul europeu.

Um projecto de Bruno Caracol, Marie Fages and Pavel Tavares

PRODUÇÃO | Cooperativa Laia

APOIOS | Direcção-Geral das Artes | Cultivamos Cultura | Oficinas do Convento | Um Colectivo

26.08.2021 | by Alícia Gaspar | arte, artes visuais, cooperativa laia, cultivamos cultura, direção geral das artes, festival a salto, oficinas do convento, sphere4, terraformação de marte, um colectivo