METABOLIC RIFTS I

METABOLIC RIFTS I é o primeiro de uma série de eventos organizados por PROSPECTIONS for Art, Education and Knowledge Production, uma assembleia peripatética de investigação em artes visuais e performativas, mobilizada por Alexandra Balona e Sofia Lemos. Através de um programa de encontros discursivos, exposições, performances e publicações, PROSPECTIONS propõe uma escavação de ortodoxias metodológicas, de modo a fomentar a investigação como um encontro implicado, aberto e dialógico, mobilizando teoria e prática em colaboração interdisciplinar, de forma a examinar narrativas e contendas sobre as origens e ficções do sujeito.
Posicionamentos modernos e contemporâneos inscrevem o sujeito num presente fracturado de gestão financeira e desordem climática à escala planetária — desde as suas raízes “iluministas” até futuras rotas de extinção. Na atual era global, a política, o direito e a economia internacional perpetuam relações insustentáveis que condicionam intenções e afectações, reificando simultaneamente a distinção entre sujeitos e objetos. Quais as cesuras e contradições óbvias que operam nestes limites narrativos? De que forma se podem abordar urgências contemporâneas e protocolos de representação cujo predicado é indiscernível?

As artes visuais e performativas potenciam lugares de contestação de fundamentos normativos, concedendo legibilidade a problemáticas de desigualdade, discriminação e negligência, fomentando assim a destabilização de narrativas e o debate sobre perspectivas futuras. Ao investigar as rupturas do metabolismo nos sistemas da Terra, ancoradas em torno da lógica da acumulação capitalista e do modo como o raciocínio neoliberal corrompe as suas operações básicas de renovação, a presente assembleia encoraja abordagens transversais a fenómenos planetários. Em colaboração com Museu de Arte Contemporânea de Serralves, este programa convida os seus participantes a descompactar assimetrias basilares em questões de direito de propriedade, direitos humanos, economia ambiental, bem como nos processos de singularidade e do comum.
14 de Outubro 2017 Auditório de Serralves, Museu de Arte Contemporânea de Serralves
Tradução simultânea [Inglês – Português / Português - Inglês]

Programa
14h30 Abertura
15h00 Ana Vujanovic. Transindividualidade em Dança Contemporânea e Performance
16h00 Ana Teixeira Pinto. Economias Alienígenas
17h00-17h30 Pausa
17h30 Brenna Bhandar. Regimes Raciais de Propriedade: lei, colonialismo e a violência da abstração
18h30 Nikita Dhawan. O Subalterno e o intelectual: Imperativos ético-políticos
19h30 Mesa redonda. Moderação: Alexandra Balona e Sofia Lemos
20h30 Notas de encerramento
Programa completo aqui.
Curadoria
PROSPECTIONS for Art, Education and Knowledge Production
Alexandra Balona and Sofia Lemos
Apoio Institucional
Museu de Arte Contemporânea de Serralves
Apoio à organização e produção
Serviço de Artes Performativas, Museu de Arte Contemporânea de Serralves
Design
ATLAS Projectos
Parcerias Institucionais
Câmara Municipal do Porto, Teatro Municipal do Porto, Museu de Arte Contemporânea de Serralves, Reitoria da Universidade do Porto, Lisbon Consortium Universidade Católica Portuguesa, CECC - Centro de Estudos de Comunicação e Cultura UCP, Goethe Institut Portugal
Parceiros Estratégicos I Pensão Favorita, Imobiliária Pedro Ramos Pinto, Niepoort, Mondo Deli
Parceria de Imprensa I BUALA
Para mais informação:

W: www.prospectionsforaekp.org
E: prospections.for.aekp@gmail.com

por vários
Vou lá visitar | 10 Outubro 2017 | METABOLIC RIFTS I