Rita Natálio

Lisboa (1983). Possui graduação em Arts du Spéctacle Chorégraphique - Université Paris 8 - Vincennes-Saint-Denis (2008) e mestrado em Psicologia (Psicologia Clínica) no Núcleo de Estudos da Subjetividade pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2015) e orientação do Prof.Peter Pál Pelbart. Rita Natálio é uma artista portuguesa que viver entre São Paulo e Lisboa. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Performance e Dança e sua atividade de pesquisa cruza o campo da Comunicação, da Estética e da Filosofia. Rita Natálio é artista, crítica, curadora e pesquisadora. A sua atividade principal tem-se centrado na direção de projetos de dança e performance e no acompanhamento crítico de projetos de outros artistas, na publicação de textos envolvendo o campo das Artes e da Comunicação e ensino na área da Performance, Teoria da Dança e Dramaturgia. Foi professora no Programa de Estudos e Criação Coreográfica do Forúm Dança e Lisboa e ministrou várias oficinas e palestras na área. No seu trabalho autoral, cruza a pesquisa artística com estudos académicos na área da biopolítica, da comunicação e da filosofia. MUSEU ENCANTADOR é o seu projeto de criação mais relevante e recente, onde explora o âmbito da identidade luso-brasileira e da memória colonial como realidade psíquica e corporal que foi contemplado pelo Prêmio Funarte Redes Artes Visuais 10a edição. Trabalha regularmente desde 2011 como crítica de dança dentro da rede de dança contemporânea europeia DNA, anteriormente chamada DÉPARTS. Este projeto é financiado pelo Programa Cultura da União Europeia e reúne 13 grandes instituições da dança europeia. Colaborou mais regularmente com Vera Mantero e João Fiadeiro, os dois maiores coreógrafos da dança portuguesa.

Email:

Artigos do autor