Patrícia Azevedo da Silva

Lisboa (1977). Antropóloga, investigadora e ensaísta. Licenciou-se em Antropologia na FCSH – Universidade Nova de Lisboa; obteve o grau de Mestre no ISCTE com a tese Para lá do Prejuízo - Análise das narrativas de identidade e reconstrução de subjectividades em mulheres brasileiras na área metropolitana de Lisboa, dissertação que intercepta os estudos de género, colonialismo e performance; encontra-se a terminar a tese de Doutoramento no ICS – UL, especialidade em Antropologia e História com a tese Pão é Amor entre estranhos – Percepções sobre comida e cidadania, espaço e sociabilidade, numa unidade do “Bom Prato”, São Paulo, tendo sido Visiting Scholar da Universidade de São Paulo no departamento de Comunicação e Audiovisual (ECA) sob a orientação da professora de Cinema Esther Hamburger. Depois de um período bastante alargado de colaboração com quase todas as proutoras de cinema da cidade de Lisboa (Atalanta Filmes, Madragoa Filmes, Contracosta, Midas Filmes, etc) começou o seu trabalho com algumas estruturas e companhias de teatro, e mais recentemente de dança, primeiro enquanto Produtora e pontualmente Assessora de Imprensa, e actualmente realizando uma espécie de acompanhamento crítico no processo de desenvolvimento e criação de algumas obras, a convite dos artistas-autores. Transversal a todo este trabalho encontra-se a sua actividade enquanto tradutora, sendo que também faz legendagens. Colaborou como cronista para o Blog da Editora Cotovia

Artigos do autor